Portal do Governo Brasileiro

 


Link acesso a Informação Link Facebook Link Instagram  Link Twiter

Curso “Crescendo e Empreendendo” promove atitudes empreendedoras em estudantes dos sete campi do IF Sertão-PE

Vinte e uma turmas formadas e mais de 620 estudantes do ensino médio envolvidos nos sete campi do IF Sertão-PE. São alguns resultados mensuráveis de uma iniciativa que prepara jovens para os desafios do mundo do trabalho, instigando-os a identificar oportunidades de negócio, reflexões sobre empreendedorismo e ingresso na vida profissional. Promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (Propip) do Instituto, em parceria com o Programa Educação Empreendedora do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o curso “Crescendo e Empreendendo” teve 12 horas de duração distribuídas em três encontros, com temáticas que promoveram o reconhecimento de características empreendedoras capazes de transformar vidas e realizar sonhos. 

Estudantes do campus Serra Talhada participam do curso

“Esse curso consolidou a parceria com o Sebrae e é fruto de eventos que a gente organiza, como o Workshop de Inovação e Empreendedorismo, e da nossa presença no Ecossistema de Inovação, que está sendo criado aqui no Vale do São Francisco com várias instituições que incentivam o empreendedorismo na região. A ideia é disseminar cada vez mais uma postura empreendedora nos estudantes, que é um diferencial na carreia de qualquer profissional do século 21. E a nossa ideia é esta: intensificar essas ações dentro do IF, através de cursos como esse, do Startup Weekend e de outras ações semelhantes”, destacou a pró-reitora de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação, Luciana Cavalcanti. 

A instrutora Leide Laura ministrou o último curso oferecido no IF Sertão-PE 

Na tarde desta quinta-feira (27), ela estava presente ao encerramento do último curso “Crescendo e Empreendendo”, ofertado a discentes do ensino médio do campus Petrolina. Como instrutora de uma turma de 30 estudantes, a consultora do Sebrae, Leide Laura Cruz, instigava os estudantes a elaborarem o plano de ação de um sonho, considerando a prática de atitudes empreendedoras. “A receptividade foi muito boa. Inicialmente, o conceito deles sobre empreendedorismo era a criação de empresas, e acho que foi bom entenderem que é possível empreender na carreira. Ter meta, saber onde se quer chegar, trabalhar com eficiência, correr riscos, formar rede de contatos, ou seja, desenvolver características empreendedoras dentro da sua área de atuação”, afirmou Leide Laura. 

Entre os participantes do curso, estava o estudante de Edificações Sandro Paulino dos Santos. Dono de uma vidraçaria que, segundo ele, está fechada pelo fato de não saber administrar e ter sido lesado na parte burocrática, Sandro elaborou o plano de reabrir a empresa. “O curso me ensinou a planejar, reeducou a minha forma de agiar e também ter boas atitudes no ramo”, explicou ele, que agora pretende ampliar as horas de capacitação no Empretec, um curso de 60 horas oferecido pelo Sebrae para quem deseja desenvolver dez características comportamentais empreendedoras. 

Turma do curso que encerrou o "Crescendo e Empreendendo" no IF Sertão-PE

Foram aplicados, nas 21 turmas, formulários antes e depois dos cursos e, em breve, será feito um mapeamento completo dos impactos para traçar novas ações. Responsável por essa aplicação, a estudante de Administração da UNINASSAU e bolsista do Programa de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (Pibiti), Renata Mota, avaliou que foi possível garimpar talentos no IF Sertão-PE. “Podem-se perceber capacidades e características empreendedoras em alunos que aparentemente não as exploravam e nem percebiam em si mesmos. Por meio do curso, os estudantes foram fomentados a exercitarem cada vez mais essas características e até empreenderem suas ideias na Incubadora do Semiárido (ISA)”. 

Metodologia do curso é própria do Sebrae, aplicada em todo Brasil. Foto do campus Petrolina Zona Rural. 

Estimular a participação dos estudantes na ISA foi uma das ações do curso. “Com o curso, começa a se estabelecer uma rede de contatos entre os estudantes, que assim podem trocar informações, virarem sócios e se juntarem para expandir as ideias”, afirmou a professora do IF Sertão-PE e coordenadora da ISA, Gislane Rocha. Segundo ela, foi muito importante a parceria com o Sebrae, porque “despertou no alunado a própria percepção de que características e habilidades já têm e podem aprimorar para uma visão mais ampla do empreendedorismo”. 

 Estudantes participam do curso no campus Ouricuri

No mesmo dia em que encerrou o curso “Crescendo e Empreendendo”, a ISA finalizou o curso de Gestão em Finanças para incubadoras e projetos do Programa de Apoio ao Empreendedorismo e a Inovação (PAEmpI). Ao longo dos seus seis anos de atuação, 41 empresas passaram pela Incubadora. A chamada pública de fluxo contínuo para pré-incubação e incubação de novos empreendimentos de base tecnológica e/ou social apoia propostas nas áreas de Agronomia, Agroindústria, Agropecuária, Edificações, Eletrotécnica, Física, Informática, Música, Química, Tecnologia em Alimentos, Tecnologia em Viticultura e Enologia, Zootecnia e outras. 

Ao reconhecerem características empreendedoras capazes de transformar o mundo em que vivem, estudantes do IF Sertão-PE podem incubar suas ideias na ISA a qualquer momento e realizar sonhos. 

Reitoria

 

    • Rua Aristarco Lopes, 240 - Centro
      CEP: 56302-100 | Petrolina/PE - Brasil
    • comunicacao@ifsertao-pe.edu.br
    • (87) 2101-2350