Portal do Governo Brasileiro

 


Link acesso a Informação Link Facebook Link Instagram  Link Twiter

Estudantes que farão estágio nos EUA reúnem-se com gestores do IF Sertão-PE e da Amazon Produce Network

Para afinar os preparativos que antecedem o embarque para os Estados Unidos, oito estudantes dos campi Petrolina Zona Rural, Petrolina, Floresta, Salgueiro e Santa Maria da Boa Vista do IF Sertão-PE participaram, na sexta-feira, 05 de janeiro, de uma reunião no gabinete da Reitoria, com as presenças do pró-reitor de Extensão e Cultura, Ricardo Bitencourt; do psicólogo do Campus Petrolina Zona Rural, Péricles Nóbrega; do diretor da Amazon no Brasil, Gilmar Mello; e do diretor de Operações da Amazon e ex-aluno do IF Sertão-PE, Glauber Gonçalves, que hoje vive nos EUA, após ter sido contratado pela empresa, tendo sido um dos primeiros estudantes da instituição a estagiar na Amazon, ainda em 2006.

Ex-aluno do IF Sertão-PE, Glauber Gonçalves (à esquerda) é o atual diretor de Operações da Amazon. Ele prestou algumas orientações aos futuros estagiários com base em sua experiência nos EUA.

O objetivo da conversa foi apresentar aos alunos e alunas aprovados na última seleção informações sobre a empresa de importação de frutas Amazon Produce Network, com sede em New Jersey (EUA), e abordar temas como relacionamento interpessoal, respeito às diferenças, postura profissional, comportamento organizacional, além de explicar aos futuros estagiários aspectos da cultura norte-americana que se diferenciam da cultura brasileira, com vistas a evitar situações constrangedoras nas relações pessoais e profissionais em solo estrangeiro. Os aprovados também aproveitaram para tirar dúvidas sobre as providências a serem tomadas antes da viagem.

Parceria que rende frutos

Desde 2005, quando os dois primeiros alunos do IF Sertão-PE desembarcaram nos Estados Unidos para estagiar na Amazom Produce Network, cerca de 60 estudantes já saíram dos sertões pernambucano e baiano para vivenciar experiências ímpares em suas vidas, tanto no âmbito profissional quanto pessoal. Um dos primeiros a viver essa experiência, Glauber Gonçalves formou-se no curso superior de Tecnologia em Fruticultura Irrigada, que atualmente foi substituído pelo curso superior de Agronomia. Para ele, “o grande diferencial desse estágio, além da aquisição de conhecimentos na área de pós-colheita e do crescimento profissional, é que se trata de uma oportunidade de ampliar os horizontes, aprender uma nova língua e conhecer uma cultura diferente”, afirma o diretor, que é egresso do campus Petrolina Zona Rural e partiu para os EUA ainda em 2006.

Natural do estado do Piauí, Gilmar Mello lembrou que muitos brasileiros investem dinheiro para conhecer os Estados Unidos, enquanto os estudantes do IF Sertão-PE podem agregar o aprendizado profissional à convivência cultural com o país estrangeiro.

Após treze anos de convênio, a parceria entre o IF Sertão-PE e a Amazon Produce Network registra avanços, como a abertura para as alunas concorrerem às vagas, que até 2012 eram restritas apenas aos rapazes. Para o piauiense Gilmar Mello, diretor da Amazon e um dos responsáveis pelo estabelecimento do convênio entre a empresa e o Instituto Federal, “a intenção é preparar cidadãos globais, que possam contribuir com o setor produtivo do país. Esses futuros profissionais, com formação técnica ou superior, aprendem a cuidar de uma fruta como se ela fosse um filho seu, aquela fruta torna-se quase um bebê para eles. Ao receberem as frutas em outro país, eles tem a atribuição de conservá-las, mantê-las em boas condições, e o fazem com satisfação, pois sabem de onde elas vieram, conhecem o solo onde foram produzidas. Essa é a essência do trabalho realizado pelos estagiários que saem daqui para receber a produção nos Estados Unidos”, explicou Mello.

O pró-reitor de Extensão e Cultura, Ricardo Bitencourt (centro), afirmou que o Centro de Línguas do IF Sertão-PE está em fase de implantação para ampliar as oportunidades de aprendizado por parte dos estudantes.

Ainda neste mês de janeiro, mais quatro estudantes do IF Sertão-PE, que já haviam sido aprovados em seleções anteriores, também iniciam estágio na Amazon. Com os oito aprovados no final de 2017, cuja previsão de embarque é até julho próximo, o número de alunos e alunas da instituição que terão embarcado para os EUA para estagiar na Amazon já chega a 72. Mantida essa taxa, até o final da década, quase uma centena de alunos e alunas da instituição já terão cruzado o Hemisfério Norte para viverem uma experiência única em suas vidas.

Centro de Línguas

Uma das expectativas alimentadas pelos jovens que vão estagiar na Amazon, é voltar dos Estados Unidos com um bom aprendizado da língua inglesa. Apesar da oportunidade, nem todos conseguem evoluir o bastante nesse item. De acordo com pró-reitor de Extensão e Cultura do IF Sertão-PE, Ricardo Bitencourt, apesar desse êxito depender, sobretudo, do esforço do próprio estudante, que deve investir o máximo de tempo no estudo da língua estrangeira antes de embarcar, a instituição também tem envidado esforços no sentido de oferecer melhores condições para o corpo discente desenvolver o aprendizado da língua inglesa. “Atualmente, estamos na fase de implantação do Centro de Línguas do IF Sertão-PE, que surgirá inicialmente no campus Petrolina, mas será expandido para os demais campi por meio dos Núcleos de Línguas Estrangeiras”, afirmou o pró-reitor.

Reitoria

 

    • Rua Coronel Amorim, 76 - Centro
      CEP: 56302-320 | Petrolina/PE - Brasil
    • comunicacao@ifsertao-pe.edu.br
    • (87) 2101-2350

 

  • Anexo 1 - Rua Valério Pereira, 72 - Centro
    CEP: 56304-060 | Petrolina/PE - Brasil
  • (87) 2101-2359