Portal do Governo Brasileiro

 


Link acesso a Informação Link Facebook Link Instagram  Link Twiter

Estudantes se reúnem para discutir as conquistas, os desafios e as perspectivas dos assuntos estudantis no IF Sertão-PE

Nos últimos dias 24 e 25 de outubro, cerca de 220 estudantes de todos os campi do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE) se reuniram para discutir as conquistas, os desafios e as perspectivas dos assuntos estudantis no Instituto. Reunindo representantes de sala e componentes de Grêmios, Diretórios e Centros Acadêmicos, o II Fórum Discente de Assistência Estudantil trouxe um mapeamento das conquistas alcançadas desde o I Fórum, realizado em setembro do ano passado, e traçou o horizonte que precisa ser percorrido para fortalecer ainda mais o atendimento das necessidades estudantis. 

O “Encontro dos Estudantes” foi a discussão inicial do II Fórum Discente

Na tarde do dia 24, após o acolhimento e credenciamento dos estudantes na Chácara Farias Góes, em Juazeiro-BA, aconteceu o primeiro espaço de discussão, intitulado “Encontro dos Estudantes”, em que foram partilhadas as diferenças e similaridades entre as realidades vivenciadas em cada campus, além dos desafios, potencialidades e experiências de organização e atuação do Movimento Estudantil no IF Sertão-PE

Antes da mesa de abertura do II Fórum Discente de Assistência Estudantil, a coordenadora do Núcleo de Apoio a Pessoas com Necessidades Especiais, egressa e atual professora do IF Sertão-PE, Tathiane Mendes, executou um repertório musical recheado de referências às demandas de inclusão social e às lutas estudantis. 

 

Cuidadosamente selecionado pela professora Tathiane Mendes, o repertório encantou o público presente

Na mesa de abertura do II Fórum Discente de Assistência Estudantil, estiverem presentes a reitora Leopoldina Veras, a pró-reitora de Ensino Maria Marli Melo, a diretora de Políticas de Assistência Estudantil, Maria Vilani, e os representantes da União dos Estudantes de Pernambuco (UEP), Bruno de Melo, e da União dos Estudantes Secundaristas de Pernambuco (UESPE), Evandro José da Silva. 

Em sua exposição, Evandro destacou a necessidade de fortalecer o processo democrático no país. “Essa é uma oportunidade de discutirmos a transparência no Instituto e a realidade da assistência estudantil em nossos campi. É um momento muito especial”, disse ele. Representando a UEP, Bruno também destacou a importância de realização do Fórum. “A democracia é construída com participação direta. Para as instituições de ensino técnico e superior serem democráticas, precisam ter fóruns como esses, por isso vocês estão de parabéns”, afirmou. 

 

Representando a UEP, Bruno de Melo participou da mesa de abertura do II Fórum Discente

Emocionada com a realização do II Fórum, a diretora de Políticas de Assistência Estudantil, Maria Vilani, frisou a importância da participação dos estudantes. “Eu sei o que a gente pode plantar e colher naquilo que é semeado na vida e no coração de vocês. Por meio dessas representações estudantis, vamos poder conquistas muitas coisas”, disse ela. Já a pró-reitora Marli Melo ressaltou o desafio de realizar o fórum diante do contingenciamento orçamentário. “É momento de celebrar por estarmos aqui, apesar de todo o arrocho orçamentário, de todo o aperto de 2018. A gente vai fazendo milagres com o pouco que se tem”, afirmou ela. 

A diretora de Políticas de Assistência Estudantil, Maria Vilani, agradeceu o empenho dos servidores e estudantes na realização do Fórum

Última a falar na mesa de abertura, a reitora Leopoldina Veras chamou a atenção para a ampliação do interesse do fórum, que abarca demandas para além da assistência estudantil. “Por mais que tenhamos algo que venha a atender a demanda social do nosso público, ainda temos de fazer muito mais. É algo muito maior que a assistência estudantil. Temos de estar preocupados também com as necessidades específicas de nossos estudantes”, destacou ela. 

A reitora Leopoldina Veras fez a última fala da mesa de abertura  

Este ano, a novidade do Fórum Discente de Assistência Estudantil foi a inserção do Grupo de Trabalho (GT) Inclusão e Diversidade, em que, junto à discussão das necessidades específicas, estiveram presentes as questões de gênero, indígenas e quilombolas. Além desse GT, outros compuseram a programação da manhã do dia 25, no campus Petrolina: Movimento Estudantil, Protagonismo Acadêmico, Orçamento e Administração dos recursos, Iniciação científica e Extensão e Atendimento ao estudante. 

Os Grupos de Trabalho movimentaram a manhã do segundo dia do Fórum Discente

Na tarde do dia 25, novamente na Chácara Farias Góes, a palestra “Assuntos Estudantis do IF Sertão-PE: Conquistas, desafios e perspectivas” trouxe uma prestação de contas das demandas conquistadas desde a realização do I Fórum, quando os estudantes fizeram um relatório com diversas proposições. “É uma forma de prestarmos contas sobre o que já foi conquistado com a presença de todos os pró-reitores, mostrando o que foi feito e o que pode ser realizado”, lembrou Vilani.  

Membro titular dos Conselhos Superior e do campus Salgueiro e diretor de Assistência Estudantil do Centro Acadêmico de Licenciatura em Física, o estudante João Marcos da Conceição participou do I Fórum e destacou o desafio de manter as conquistas. “Se for observar o cenário que a gente vive hoje, eu espero que a gente consiga pelo menos manter o que existe em questão de recursos destinados aos estudantes”, afirmou ele.  

Pela primeira vez no fórum, o estudante do campus Serra Talhada, Jonatas Xavier, ressaltou a necessidade de uma maior conscientização dos estudantes. “Espero muita conscientização de cada um, porque não adianta a gente ficar terceirizando a nossa responsabilidade. Precisamos dar o primeiro passo para depois cobrar”, disse ele. 

 

Uma plenária encerro a realização do II Fórum Discente

O II Fórum Discente de Assistência Estudantil foi encerrado com a plenária de encerramento. A perspectiva é que, a cada ano, se mantenha esse espaço de discussão e avaliação das conquistas, dos desafios e das perspectivas dos assuntos estudantis em todos os campi do IF Sertão-PE

Reitoria

 

    • Rua Coronel Amorim, 76 - Centro
      CEP: 56302-320 | Petrolina/PE - Brasil
    • comunicacao@ifsertao-pe.edu.br
    • (87) 2101-2350

 

  • Anexo 1 - Rua Valério Pereira, 72 - Centro
    CEP: 56304-060 | Petrolina/PE - Brasil
  • (87) 2101-2359