Portal do Governo Brasileiro

 


Link acesso a Informação Link Facebook Link Instagram  Link Twiter

Campus Floresta realiza noite de premiação do 1º Festival de Curtas

Na noite da última sexta-feira (22) a Câmara Municipal de Floresta foi o palco da premiação do 1º Festival de Curtas do campus Floresta do IF Sertão-PE. O evento de dois dias teve como tema “Teu Olhar-Identidades” e contou com a exibição de 18 filmes de curta-metragem produzidos pelos alunos das turmas de primeiro ano do Ensino Médio Integrado ao Técnico.

 


Receberam o troféu do 1º Festival de Curtas os melhores avaliados nas 3 categorias, além dos participantes especiais

O dia  21 foi reservado para a exibição dos filmes, e o dia 22 para a premiação. De acordo com a docente Vera Medeiros, realizadora do evento, a ideia surgiu para fazer  com que aos alunos enxergassem e mostrassem uma Floresta cultural, repleta de valores e histórias que muitas vezes passam despercebidas pelos moradores locais. 

“ Acho que foi o grande objetivo do festival foi alcançado, que na noite de ontem tivemos 18 exposições de vídeo só com cultura, com historia, com a alma florestana. E hoje nós tivemos também três exibições que foram participações especiais baseadas em epitáfios, os textos de cemitério que pesquisamos e vamos lançar um livro em breve sobre esse assunto, e a gente viu que Floresta tem história sem fim,  poderíamos  realizar dez festivais desse e ainda iríamos encontrar histórias em Floresta para contar”, afirmou Vera.

A noite de premiação  teve  início com apresentação musical do professor Ulisses Azevedo, mesclando canções autorais com clássicos da MPB. Na sequência, os membros do juri técnico formaram a mesa principal do evento. Participaram do Juri Técnico os professores Eduardo Brito, Silvia Oliveira, João Luiz, Leon Lima, Ulisses Azevedo, Vera Medeiros e Aldo Ribeiro; além do designer florestano Tássio Ferraz.

Em seu discurso de abertura do evento Vera Medeiros elogiou a dedicação dos alunos e suas produções. “Estou muito orgulhosa, é uma coisa inédita feita em Floresta, a riqueza que foi mostrada aqui foi muito grande, não sairíamos daqui ontem sem amar mais floresta do que já poderíamos amar. Vocês conseguiram identificar o que há de melhor na cidade de Floresta e causar ainda mais amor”, afirmou a docente.


Os premiados foram muito aplaudidos pelo público presente

A primeira premiação da noite foi para a competição entre melhores cartazes  de divulgação dos filmes.  O vencedor dessa categoria foi o curta “Enchentes do Rio Pajeú”, o curta “Conceição Cahú” ficou com a 2ª colocação, e os curtas “Virgulino: o que não foi te dito” e “99% Acontecem” dividiram a 3ª colocação.

Na sequência foram exibidos 3 vídeos participantes especiais produzidos por bolsistas do projeto de pesquisa “Epitáfios Florestanos”, os vídeos  inspirados por epitáfios registrados no cemitério da cidade foram “ Lindaura Gomes de Sá”, “Memórias de um herói social” que conta a história do vaqueiro Mário de Seu Quim, e “Não foi o fim”, sobre a menina Fernanda Carvalho.

Seguindo com as premiações na categoria Juri Popular, que contou com os votos de todos os presentes na plateia na noite de exibições, o curta agraciado foi “Raízes”, que fala sobre o Instituto Cultural Raízes, que resgata e preserva tradições afrobrasileiras e indígenas em Floresta. 

Na categoria Temática Feminina o curta vencedor foi “Conceição Cahú: olhos luz da arte florestana”, que retrata a vida e obra da ilustradora florestana Conceição Cahú, uma das poucas chargistas feminina da história da imprensa brasileira.


Aluno indígenas retrataram a história do próprio povo e sagraram-se vencedores na categoria Geral do Juri

Já na categoria Geral do Juri, o premiado da noite foi o curta “Pankará: minha essência”, produzido por alunos indígenas do grupo Pankará, o filme retrata a história e realidade da comunidade na qual estão inseridos. Como premiação o grupo recebeu vale compras em uma grande livraria nacional, e o a inscrição em um festival internacional de curtas-metragens. O vencedor da categoria Juri Popular também foi premiado com a inscrição para participar do mesmo festival internacional de curtas, e o vencedor da categoria Temática Feminina foi premiado com a inscrição para participar do Festival Nacional de Curtas Ela na Tela.

De acordo com Débora, membro do grupo de alunos premiados pelo curta “Raízes”, a sensação de produzir o vídeo foi de orgulho. “Ficou exatamente como a gente queria, ficamos estasiados de vencer, estávamos tensos desde ontem e na hora da premiação quando começaram a recitar a nossa sinopse já começamos a flutuar. Estamos tensos com a competição internacional que vamos nos inscrever, mas muito felizes de representar o IF de Floresta e representar Floresta para o Brasil, e para o mundo” afirmou a discente.

Os produtores do curta "Raízes" já estão adequando o filme para competição internacional

O aluno Carlos Eduardo, também produtor do curta “Raízes” comemorou a vitória já com foco e empolgação para a próxima competição, “a expectativa é ganhar o festival internacional, e já estamos bolando outras ideias e modificações para acrescentar ao curta, vamos concorrer de verdade, para ganhar”, concluiu Carlos.

Confira abaixo a classificação dos 3 melhores curtas por categoria:

Voto Popular

1º – Raízes

2º - Herança Negra Florestana

3º – Virgulino: o que nunca foi te dito

Geral Escolha do Juri

1º- Pankará: minha essência

2º- Conceição Cahu: Olhos Luz da Arte Florestana

3º- Tempo essência da vida

 

Melhor curta de temática feminina

Conceição Cahú: olhos luz da arte Florestana.

Campus Floresta

 

  • Rua Projetada, S/N, Caetano II - N4
    CEP: 56400-000 | Floresta/PE - Brasil
  • cf.comunicacao@ifsertao-pe.edu.br
  • (87) 3877-2825 / (87) 3877-1104