Portal do Governo Brasileiro

 


Link acesso a Informação Link Facebook Link Instagram  Link Twiter

Campus Petrolina Zona Rural reúne parceiros para discutir Pronatec

O empresário Fábio Rezende fez parte de uma das primeiras turmas do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), ofertada em 2012 pelo campus Petrolina Zona Rural do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE). Ainda estudante do curso técnico em Agrimensura, Fábio, dono de uma empresa de topografia, conseguiu aliar os conhecimentos adquiridos durante as aulas à sua carreira profissional, ampliou os negócios e terminou empregando doze de seus colegas de turma. 

 A diretora-geral do campus, Jane Perez, reforçou a importância de fortalecer as relações entre parceiros e a instituição

Relatos como o do ex-aluno marcaram o primeiro encontro do “IF Sertão-PE entre Diálogos – Educação e Qualificação Profissional: experiências e parcerias”, realizado nesta segunda-feira (9), no campus Petrolina Zona Rural, com o objetivo de apresentar os resultados e experiências do Pronatec, no período de 2012 a 2014, e fortalecer as parcerias entre o instituto e municípios parceiros. O evento contou com as presenças da pró-reitora de Extensão, Gleide Coimbra, da diretora-geral do campus, Jane Perez, da coordenadora-geral do Pronatec, Eliene Silva, além de representantes dos municípios de Curaçá, Remanso, Casa Nova e Sobradinho, na Bahia, Afrânio e Santa Filomena, em Pernambuco. 

Ex-estudante Fábio Rezende agradeceu a oportunidade de realizar o curso de Agrimensura

De acordo com a pró-reitora de Extensão, Gleide Coimbra, o momento é de avaliar as ações e resultados do programa e propor soluções para eventuais problemas. “O Pronatec potencializou o esforço educacional do IF Sertão-PE na oferta de cursos e na ampliação de número de parcerias. Esse diálogo tem que ser permanente para que a instituição possa atender as reais necessidades da comunidade externa”, considerou. Para a diretora-geral do campus, Jane Perez, o sucesso dos alunos evidencia a qualidade do trabalho que está sendo desenvolvido. “O que importa para a gente é saber que esses cursos mudaram um pouco ou muito a vida de quem participou”.

Representantes de municípios parceiros estiveram presentes

No primeiro momento, a coordenadora-geral do Pronatec, Eliene Silva, apresentou um balanço das vagas ofertadas, matrículas e conclusões e destacou a importância dos parceiros na consolidação do programa. “Vejo claramente nos resultados a presença dos parceiros que estão envolvidos, dos bolsistas, professores. Um grande legado já são essas relações institucionais. Levar esses cursos para fora dos muros da instituição para nós também é um aprendizado”, disse. 

A chegada do Pronatec nesses municípios mudou as realidades locais. Este foi um consenso nos discursos dos parceiros presentes, que falaram dos desafios, das demandas, dificuldades e resultados, em grande parte positivos e estimulantes. “É um orgulho ver que os moradores de Afrânio não precisam sair do município para ter uma oportunidade. A gente tem interesse de receber mais cursos, de apoiar, não colocamos limitações nem dificuldades porque crescemos juntos com vocês”, disse a secretária de Educação de Afrânio, Maria das Dores Evangelista, opinião compartilhada pelos demais. 

Patê, coxinha, empada, caldo, almôndega feitos com peixe pelos estudantes do curso FIC de Beneficiamento de Pescado, em Sobradinho

Segundo dados apresentados pelo coordenador do programa no campus Petrolina Zona Rural, Fábio Freire, e pelo coordenador do Centro de Referência de Afrânio, Sebastião Costa, mais de 3800 vagas já foram ofertadas através do campus, no período de 2012 a 2014, entre cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) e na modalidade subsequente. “O que temos visto é que esse programa é extremamente importante para os municípios, não só em relação à formação profissional, mas pelo crescimento pessoal e desenvolvimento econômico”, afirmou Fábio Freire. 

Produtos produzidos no curso de Agroindústria do Centro de Referência de Afrânio

Os depoimentos de professores, ex-alunos e parceiros reforçaram a importância do programa na transformação de vidas através do acesso à educação e à oportunidade de poder ingressar no mercado de trabalho com uma maior qualificação. No final do evento, estudantes da unidade remota de Sobradinho e do Centro de Referência de Afrânio fizeram degustação de produtos produzidos por eles. “IF Sertão-PE entre Diálogos” acontecerá em todos os campi do instituto. O próximo encontro está previsto para acontecer no campus Petrolina, no próximo dia 16 de novembro.    

Campus Petrolina Zona Rural

 

  • PE 647, Km 22, PISNC N - 4, Zona Rural, Cx. Postal 277
    CEP 56.302-970
    Petrolina-PE
  • cpzr.comunicacao@ifsertao-pe.edu.br
  • (87) 2101-8050